back to top
Sexta-feira, Junho 21, 2024

Novidades

Notícias Relacionadas

O Mosteiro de São Bento em Santo Tirso

O mosteiro está implantado na margem esquerda do rio Ave, na zona baixa da cidade de Santo Tirso. Foi fundado por D. Unisco Godiniz e seu marido Abunazar Lovesendes, primeiro senhor da Maia e ancestral desta família, em 978, conforme documento publicado por D. António Caetano de Sousa.

Os Monges Beneditinos tiveram de abandonar este mosteiro em 1834 na sequência da expropriação dos bens das ordens religiosas. Os monges retiraram-se e a Comissão Interina do futuro concelho de Santo Tirso tomou posse dos bens 46 dias depois.

No século XV foi edificada a igreja monástica por benemerência de Martim Gil, conde de Barcelos. Desta igreja restam alguns vestígios arqueológicos.

A atual igreja matriz foi construida em 1659 – 79, com projeto de Frei João Turriano, filho de um arquiteto milanês, Leonardo Turriano. Possuí planta de cruz latina e é de uma só nave.

A fachada possuiu três nichos em que estão alojadas as esculturas de Santo Tirso ao centro, ladeado por S. Bento e Santa Escolástica. No tímpano encontra-se inscrita a data de 1679 que, hipoteticamente, representa o termo da construção da igreja.

Após a secularização o mosteiro é dividido; uma parte fica para um particular, outra para repartições públicas (Câmara Municipal – nas antigas hospedarias conventuais, Tribunal e Administração do concelho) e o Asilo Agrícola Conde S. Bento, e uma última parte para residência paroquial.

O mosteiro está classificado como Monumento Nacional desde 1910.

Popular Articles